Helicóptero da Base Aérea Naval de São Pedro recebe “um tapa no visual” para ficar bem na foto

O helicóptero decorativo da Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia (BAeNSPA) está passando por manutenção para receber os visitantes na alta temporada da Região dos Lagos. O modelo SH-3 é um helicóptero anfíbio médio e fica em exibição logo na entrada da Base, às margens da rodovia RJ-140.

A manutenção, que é realizada a cada dois anos, por ordem do comando da BAeNSPA, acontece há cerca de uma semana. As peças que apresentam maior corrosão e desgaste devido ao tempo são pintadas. Já a fuselagem, que ainda está com a pintura em bom estado de conservação, recebe apenas uma camada de verniz, como forma de ressaltar a pintura e proteger da ação da maresia. O prazo de término da manutenção é de 15 dias, antecedendo a alta temporada, quando o número de turistas e visitantes que fotografam no local é ainda maior.

No Brasil, existe apenas uma aeronave deste modelo em uso particular. Todos as demais eram utilizadas pelas forças armadas. O Sikorsky SH-3 Sea King tem capacidade de realizar missões de transporte, salvamento e resgate, guerra anti-submarina ou anti-superfície. No Brasil, todos os Sea King da Marinha estão alocados para o 1º Esquadrão de Helicópteros Anti-Submarino (HS-1) que opera principalmente a partir do NAe São Paulo (A-12) e tem a sede na Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia.